Questão comentada de Legislação do SUS – Classificação de Risco – HumanizaSUS.

Olá a todos!

Hoje o Blog SUS para Concursos traz para você mais uma questão de concurso comentada. A questão é referente à Política Nacional de Humanização – HumanizaSUS.

Lembrando que a PNH foi instituída em 2003, pelo Ministério da Saúde e está fazendo, em 2013, aniversário de 10 anos. A PNH busca colocar em prática os princípios do SUS no cotidiano dos serviços de saúde, produzindo mudanças na gestão e no cuidado.

Vamos à questão!

Na política de Humanização do SUS, a classificação de risco tem como objetivos, EXCETO:

A) Avaliar o paciente logo na sua chegada ao pronto socorro, humanizando o atendimento.

B) Diminuir a sobrecarga no pronto socorro.

C) Reduzir o tempo de atendimento do médico para que este possa atender mais pacientes.

D) Promover ampla informação sobre o serviço aos usuários.


Resolução: Para a resolução dessa questão iremos recorrer a Cartilha da PNH que trata do “Acolhimento com Avaliação e Classificação de Risco”.

Para visualizar essa cartilha Clique AQUI.


Segundo essa cartilha, a estratégia de Avaliação com Classificação de Risco pressupõe a determinação de agilidade no atendimento a partir da análise, sob a óptica de protocolo pré-estabelecido, do grau de necessidade do usuário, proporcionando atenção centrada no nível de complexidade e não na ordem de chegada.

Desta maneira exerce-se uma análise (Avaliação) e uma ordenação (Classificação) da necessidade, distanciando-se do conceito tradicional de triagem e suas práticas de exclusão, já que todos serão atendidos.

Já em relação aos “Objetivos da Classificação de Risco”, que é o que está sendo cobrado na questão, a cartilha da PNH traz os seguintes objetivos:

- Avaliar o paciente logo na sua chegada ao Pronto-Socorro humanizando o atendimento.
Esse objetivo nada mais é do que a nossa alternativa A, e, portanto, esta alternativa está correta, porém a banca cobra do candidato a identificação da alternativa INCORRETA.

- Descongestionar o Pronto-Socorro.

Se analisarmos a Alternativa B: “Diminuir a sobrecarga no pronto socorro”, percebemos que a mesma equivale ao objetivo acima, logo, a alternativa B também está correta.

- Reduzir o tempo para o atendimento médico, fazendo com que o paciente seja visto precocemente de acordo com a sua gravidade.

Aqui a banca organizadora produziu uma alteração do sentido real desse objetivo com o intuito de confundir o candidato, como podemos observar na Alternativa C: “Reduzir o tempo de atendimento do médico para que este possa atender mais pacientes”. Na verdade ocorre uma redução do tempo PARA O atendimento do médico e não uma redução DO atendimento do médico.  Em outras palavras, o TEMPO DO ATENDIMENTO do médico não se altera o que muda com o sistema de Classificação de Risco é o TEMPO DE ESPERA pelo atendimento, que passa a ser menor. A alternativa ainda fala sobre o aumento do número de pacientes atendidos, quando na verdade o que ocorre é um atendimento mais precoce, ou seja, busca-se melhorar a qualidade ao invés da quantidade. Portanto isso faz com que nossa Alternativa C seja a INCORRETA.

- Promover ampla informação sobre o serviço aos usuários.

A informação aos usuários/pacientes sobre os serviços que são prestados na rede de saúde é um dos objetivos da Classificação de Risco trazido pela PNH e esse objetivo está contido na nossa Alternativa D, logo, essa alternativa também está correta.

Gabarito: C

Além desses objetivos cobrados pela questão acima, a Cartilha da PNH traz também outros objetivos da Classificação de Risco, quais são:

- Determinar a área de atendimento primário, devendo o paciente ser encaminhado diretamente às especialidades conforme protocolo. Exemplo: ortopedia, ambulatórios, etc.

- Informar os tempos de espera.

- Retornar informações a familiares.


Abraços, bons estudos e até a próxima!

Reações:

Um comentário:

  1. Muito bom estudar por aqui. As questões comentadas são bastante esclarecedoras. Tenho aprendido muito.

    ResponderExcluir